segunda-feira, 26 de outubro de 2015

Ginásio: dia 0

Desde o regresso das férias que tinha decidido que precisava mesmo de fazer desporto, ter um escape que me permitisse relaxar do stress dos dias e da porrada de merdas que faço, assim como precisava de algo que me oleasse as juntas e articulações. Já tinha visto de alguns dos ginásios das redondezas. Se em alguns não me agradaram as paneleirices, outros não me agradou o preço e, principalmente, abomino a treta de haver um contrato de fidelização. Odeio isso! Eis que, na semana passada, preenchi um formulário de contacto online na página de um ginásio que fica bem perto de "uma das" casas onde já vivi. No dia a seguir telefonaram-me. Gostei do trato e da forma simples e prática como me responderam às minhas questões. Sem merdas, sem truques. Dois dias depois fui lá. Top! Boas instalações, piscina grande com tecto panorâmico (já fiz natação num piso -2, isto passou a ter muita importância para mim!), mapa de aulas diversificado, o preço altamente convidativo e, cereja no topo do bolo, sem contratos! No dia a seguir, liguei de volta e combinei de hoje lá ir efetivar a inscrição. Como estamos na última semana do mês, posso fazer aulas já esta semana embora só pagando a partir do próximo mês. Então hoje de manhã vim de armas e bagagens para, depois de tratar da inscrição, fazer uma aula. Pilates tinha decidido olhando para o mapa. Mas, ao início da tarde, como nunca fiz nenhuma aula de Pilates antes, resolvi pesquisar um pouco sobre a modalidade. Inclusivamente na página do ginásio vi fotos de uma aula. E percebi que fazem as aulas em meias. Meias escuras. E percebi que eu trazia meias brancas. Manchadas do uso com sapatilhas pretas! Lavadas, atenção! Mas manchadas. E ninguém sabe se estão lavadas ou não, não é? E é a primeira aula... Não vai dar para ir! Não assim! Não sabia, não posso ser recriminada por isso! E não são desculpas!
Também há localizada à mesma hora. Mas recuso-me. É que nem adianta virem-me com aquela conversa do esforço e da força de vontade. Não quero saber! Tenho 32 anos e conheço-me suficientemente bem para saber como ia correr! Ou vou para lá fazer coisas que gosto e que me apetecem ou então mais vale poupar uns euros. Odeio sequências repetitivas. Ao fim de 10 minutos já estou a pensar na minha vida toda e para além de não relaxar minimamente venho de lá toda empenada. Nah, nah! Não me apanham nessa merda!
Sobre cycling e circuito funcional nem me pronuncio.
Depois apercebi-me de outras coisas. Esqueci-me da touca (pois até podia dar umas braçadas!). Mas sem touca nada feito! Assim como não trouxe champô e teria de molhar o cabelo. Para qualquer outra aula sem ser natação preciso das lentes de contacto. Tirando os óculos (por causa da transpiração, quem usa óculos sabe do que falo...), corria o risco de fazer uma aula inteirinha de Step a tentar perceber quem era o professor e que porra de dança da chuva é que ele andaria a fazer!
Enfim. Vou lá inscrever-me. Há que começar por algum lado.

2 comentários:

  1. Estou curiosa por saber como é que vais descrever a tua primeira aula! :D Fico a espera de novidades!

    ResponderEliminar